QC Saúde

Gengibre: conheça suas vantagens para o metabolismo

Com origem de países da Ásia, o gengibre está espalhado em regiões variadas, sendo muito utilizado para os mais diversos pratos e bebidas. Dessa maneira, essa raiz está presente no dia a dia de muitas pessoas ao redor do mundo e há anos suas propriedades benéficas para a saúde são pesquisadas, testadas e aplicadas em diferentes áreas. É uma opção prática de introduzir em seu dia a dia, especialmente utilizando para chás e na forma de tempero!

É interessante citar que mais da metade da comercialização do gengibre brasileiro é voltado para a exportação, em torno de 70%, por exemplo, para a Holanda, Reino Unido e para os Estados Unidos. Naturalmente, cada produto com base no gengibre, conta com características físico-químicas variadas de acordo do local de origem, processamento do material e da finalidade da sua utilização. São fatores que determinam não apenas a diferença de preços na comercialização, como também os benefícios que podem ou não ser usufruídos.

No texto a seguir, confira as principais vantagens do gengibre, entre outros aspectos da raiz.

Benefícios do gengibre

Uma de suas principais vantagens é o estímulo para um melhor funcionamento do metabolismo, porém, essa raiz reúne inúmeros outros benefícios nutricionais. Por essa razão, não é difícil notar o gengibre incorporado em métodos que visam amenizar os sintomas de processos inflamatórios, a redução de peso, entre outras opções. Confira os principais benefícios promovidos:

Ação anti-inflamatória

Os compostos fenólicos encontrados no gengibre, tais como gingerols, são capazes de causar impacto positivo em processos inflamatórios. Outro fator a ser considerado, é que a atividade antioxidante, contribui para amenizar o estresse oxidativo e dessa forma atinge a inflamação.

Favorável para quem sofre com problemas estomacais

Por reduzir indícios como enjoos, náuseas, azia, diarreia e gases, o gengibre acaba sendo vantajoso para pessoas que possuem algum tipo de disfunção que acometa o estômago. Visando esse benefício, o gengibre neste caso também é utilizado na forma de óleo essencial.

Gengibre para perda de peso

Por promover tantos benefícios e favorecer o equilíbrio hormonal, o gengibre se torna um grande aliado nas dietas que visam a redução de peso. Outra questão importante a ser citada, é que contribui com um melhor funcionamento do metabolismo, o que pode ser decisivo nesses casos.

Ajuda na prevenção de doenças cardíacas

Os nutrientes presentes no gengibre, como vitaminas e sais minerais, contribuem não apenas com uma melhor circulação sanguínea, como também ajuda a amenizar os níveis da pressão arterial, que é um fator de risco considerável para doenças que acometem o sistema cardiovascular.

Gengibre para diabetes tipo II

Aponta-se que as propriedades fenólicas presentes no gengibre desempenham o importante papel de contribuir com a degradação dos níveis excessivos de radicais livres apresentados por portadores de diabetes tipo II. Dessa maneira, assim como no caso de processos inflamatórios citados anteriormente, o estresse oxidativo é amenizado e por consequência, o quadro de hiperglicemia.

Formas de uso do gengibre

O uso de opções naturais para o tratamento e prevenção de diversas patologias, já é antigo. Considerando esse fato, cada vez mais estudos buscam se aprofundar, testar e comprovar ou não a eficácia de algumas dessas propriedades exploradas.  Não é diferente no caso do gengibre, por isso diversas receitas são voltadas essencialmente para a saúde e outras, para usufruir de seu sabor peculiar.

Dessa maneira, essa famosa raiz, é utilizada em muitos pratos indianos como tempero, porém, seu uso abre portas para muitas inovações e possibilidades de bebidas e pratos. É usado em pó ou fresco, com um sabor e aroma fortes e diferenciados. A seguir, veja algumas receitas com gengibre:

Chá de gengibre receita

Ingredientes

2 a 3 cm de gengibre fresco
1 litro de água

Como preparar chá de gengibre

O chá de gengibre apenas com a raiz e água deve respeitar as medidas de 2 a 3 cm do gengibre para cada litro de água. Após lavá-lo bem, corte ou rale. Acrescente na água já fervida, deixando em infusão em torno de 8 minutos. Posteriormente, basta deixar que amorne, coar e consumir!

Para dar toques diferentes na receita, é possível acrescentar limão, espremendo meio limão na água quente. Outras opções são a canela e o mel. Lembrando que no caso do mel, deve ser adicionado depois do chá ser coado.

Sopa de gengibre com abóbora

Ingredientes

1 dente grande de alho
1 cubo de caldo de galinha
Sal a gosto
1/2 kg de abóbora cabotia descascada
Azeite de oliva a gosto
2 colheres de sopa de gengibre ralado
Gergelim torrado a gosto (opcional)
1 cebola pequena

Como preparar sopa de gengibre com abóbora

Em 1 litro de água, deixe cozinhar o gengibre, alho, cebola e a abóbora. Em seguida, bata no liquidificador e use uma peneira grossa para coar. Depois, coloque a mistura novamente na panela em fogo baixo e adicione o caldo de galinha e o azeite de oliva.

Para finalizar, mexa em torno de 5 minutos e coloque sal a gosto. Basta servir, caso prefira, é possível usar o gergelim torrado para polvilhar e dar um toque especial a receita.

Suco de laranja, couve e gengibre

Ingredientes

4 folhas de couve
Açúcar ou adoçante a gosto
3 laranjas
1 litro de água
1 pedaço de gengibre

Como preparar?

Primeiramente, esprema as 3 laranjas e reserve. Em seguida, lave bem as 4 folhas de couve e acrescente-as juntamente com os outros ingredientes no liquidificador, incluindo o suco de laranja. Basta servir. Lembrando que uma das formas de potencializar o efeito deste suco é consumir sem coar, porém, fica a sua escolha!

De acordo com o que foi apresentado anteriormente ao longo deste texto, o gengibre carrega um grande potencial para a saúde, sendo um excelente antioxidante, entre outros benefícios. Seu uso para fins medicinais ainda é muito pesquisado, porém, de acordo com estudos realizados, seu potencial em processos anti-inflamatórios é indiscutível, porém, depende muito da origem e forma de consumo.

Apesar de tantas opções práticas e acessíveis de preparar, caso esteja passando por complicações na saúde e pense no consumo de gengibre para amenizar, não se esqueça de buscar orientação médica. Afinal, o uso de opções naturais, não substitui a importância de consultar um profissional.

Deixe seu comentário