QC Saúde

Noni: fruta asiática ajuda no tratamento da diabetes

Ainda praticamente desconhecido no Brasil, o noni é uma fruta nativa do sudeste da Ásia. De gosto peculiar, nos últimos anos vem ganhando fama em alguns artigos e pesquisas que exploram o seu potencial vantajoso para o organismo. No entanto, existem controvérsias e pontos que devem ser levados em consideração ao abordar essa fruta. No texto a seguir, essas questões serão abordadas, além dos benefícios apontados.

Benefícios do noni

Com aparência semelhante à fruta-do-conde, a famosa pinha, o noni, no que diz respeito ao sabor e propriedades, não se assemelham em nada com a fruta além do aspecto. Além disso, a fruta tem um sabor amargo, por essa razão, quem o consome, principalmente em países asiáticos, normalmente combinam com outras opções, como em chás e sucos com ingredientes variados.

Apesar de na medicina popular oriental, o noni ser apontado com grande potencial para amenizar dores e diabetes, ainda há uma escassez significante de comprovações em torno do seu real efeito no organismo.

Além desses fatores, outras supostas vantagens atreladas ao consumo da fruta, seja fresca, em forma de sucos, chás e pílulas apresentam uma diversidade interessante. Os benefícios que recebem grandes destaques são:

Noni para o sistema imunológico

O sistema imunológico é formado por diversas propriedades que desempenham diferentes tipos de funções, buscando diariamente reagir ao ataque de vírus, bactérias, entre outros agentes nocivos. Aponta-se que o consumo do fruto na forma de suco e sua ação antioxidante contribuam com um melhor funcionamento do sistema imunológico. O que potencializa a proteção do organismo é a riqueza de vitamina C presente no fruto.

Noni para emagrecimento

Aponta-se que entre as propriedades da fruta, é possível encontrar uma quantidade considerável de fibras, que contribuem com a perda de peso, promovendo também a saciedade.

Além dos benefícios citados, em alguns locais é possível encontrar informações sobre possíveis benefícios para problemas ginecológicos. No entanto, sem comprovações e informações profundas.

Esse cenário de escassez de informações também se repete em portais informativos que apontam que o noni combate o câncer. É preciso ter muito cuidado com informações desse tipo, especialmente pela falta de provas concretas e resultados satisfatórios nas pesquisas.

As vantagens da fruta não param nesse estágio. No entanto, neste caso, de fato pesquisadores têm realizado uma pesquisa com informações mais precisas. Trata-se da eficiência que o noni apresenta no combate a pragas em plantações e no combate de mosquitos. O estudo é recente e levanta a possibilidade de que também tenha potencial para o uso como repelente.

Cuidados com o noni

Há um tempo, a comercialização de itens com a fruta em sua composição foi proibida pela ANVISA. Uma das principais razões para essa proibição é a ausência de exatidão e profundidade em torno dos estudos realizados sobre noni. No entanto, ainda é possível encontrar vendas irregulares de produtos derivados do fruto.

Enquanto algumas pesquisas indicam a segurança no uso, outros ressaltam malefícios causados pelo consumo do fruto, tais como, complicações que acometem o fígado, danos para a saúde de gestantes e prejuízos para os ossos. A toxidade ainda é um fator a ser estudado e nesses casos, é de extrema importância ter cautela.

Extratos naturais são muito comercializados e a demanda de consumidores não é pequena, afinal, boa parte das pessoas acredita que por se tratarem de produtos naturais, praticamente há ausência de efeitos colaterais. No entanto, substâncias e doses erradas, produtos irregulares, sem comprovação exata de benefícios, entre outros fatores precisam ser analisados, para que se evite o consumo de tais opções e coloque a sua saúde em risco.

Mais alimentos funcionais

Diferentemente da proibição e ausência de exatidão que gira em torno das informações relacionadas a fruta noni, existem alguns alimentos, muito deles frutas e hortaliças, que são muito vantajosos para a saúde sem o nível de toxidade presente no fruto.

Alimentos funcionais são aqueles considerados vantajosos para a saúde. Da mesma forma que ocorre com qualquer outro tipo de medicamento ou suplemento, é indispensável saber o que está se consumindo para se prevenir ou tratar de diferentes patologias. Não se esqueça de sempre recorrer a orientação médica e evitar danos à sua saúde.

Conheça alguns compostos pesquisados e encontrados em alguns alimentos funcionais:

Licopeno: apresenta ação antioxidante, ameniza os níveis do colesterol e é apontado com grande potencial na prevenção contra o câncer, principalmente o de mama e de próstata. Pode ser encontrado em alimentos como a melancia, goiaba vermelha e o tomate;

Fibras solúveis e insolúveis: enquanto as fibras solúveis contribuem com o controle da glicemia e promovem a saciedade, as insolúveis favorecem o trânsito intestinal, apresentando atividade laxante. Alguns dos alimentos que apresentam fibras são centeio, farelo de trigo, feijão e frutas com casca, lembrando que o consumo de fibras deve ser aliado a uma boa hidratação;

Ácidos graxos ômega-3: o ômega-3 é bastante conhecido por diversos benefícios, tais como sua ação anti-inflamatória e a redução dos níveis do colesterol. Esse composto pode ser encontrado em peixes como salmão, atum, sardinha e arenque;

Tanino: apresentam atividade antioxidante notória, além de ação antisséptica. É um composto que está presente em alimentos como sálvia, soja, caju, manjericão, maçã e uva;

Flavonoides: um composto importante e vantajoso para a saúde, que apresenta atividade antioxidante, anti-inflamatória e vasodilatadora. Podem ser encontrados em alimentos como o tomate, cereja, pimentão, soja, entre outros alimentos;

Catequinas: estimulam um melhor funcionamento do sistema imunológico e ainda amenizam os níveis de colesterol. Aponta-se também que esses compostos tenham potencial para contribuir com a prevenção de alguns tipos de câncer. Podem ser encontrados em alimentos como framboesas, uva roxa, amoras, chá verde e mirtilo.

De fato, o noni apresenta vantagens a serem exploradas. No entanto, conforme visto ao longo deste texto ainda há muito que ser comprovado, especialmente em torno de sua toxidade, para que seja consumido com segurança e tenha seus benefícios fortemente atrelados a saúde.

Muitas alternativas naturais são usadas para a prevenção e tratamento de doenças, porém, não se pode esquecer que ainda assim podem apresentar contraindicações, como é o caso do noni. Lembre-se sempre de ter orientação médica e não se automedicar.

Deixe seu comentário