QC Saúde
stevia

Stevia: fique por dentro de tudo sobre esse adoçante alternativo

Muito conhecida no mundo fitness, a Stevia é um adoçante natural que não prejudica a saúde, podendo ser utilizada para substituir o tão perigoso açúcar. Este tipo de adoçante pode ser posto em sucos, chás, café, bolos e demais receitas que deveriam ser açucaradas.

O adoçante é produzido por meio da planta Stevia Rebaudiana Bertoni – nome científico, e também vem sendo usada em diversos produtos industrializados, bem como refrigerantes, chocolates e sucos processados. Ainda assim, fabricantes de gelatinas e chás também usam a planta como base para atingir o máximo de doçura.

A Stevia é composta a partir do glicosídeo de esteviol, que não possui calorias e apresentar um poder de adoçar até 300 vezes mais do que o famigerado açúcar refinado.

O adoçante pode ser encontrado em pó ou em gotas e já caiu no gosto de boa parte da população, especialmente por conta do uso indiscriminado de açúcar refinado, responsável por inúmeras complicações de saúde.

Por conta disso, produzimos este conteúdo especial com tudo o que você precisa saber sobre o adoçante Stevia, um dos mais famosos produtos da atualidade. Acompanhe o restante do conteúdo a partir dos demais tópicos deste artigo.

stevia

Como utilizar Stevia

O adoçando feito de Stevia pode se usado no dia a dia, de maneira livre e simples. Isso porque o produto não gera nenhuma implicação, pois promove somente o sabor adocicado nos alimentos nos quais é posto.

Por exemplo, o adoçante oriundo da natureza pode ser usado no chá, duas ou mais vezes ao dia. O mesmo vale para o café, sucos, dentre outras bebidas e alimentos pertinentes.

Além disso, as propriedades da Stévia se mantém funcionais, mesmo em altas ou baixas temperaturas, o que garante a usabilidade do adoçante em sorvetes e pratos quentes.

Ou seja, para quem utiliza, o sabor dos alimentos continuam os mesmos, a única diferença – positiva, por sinal – é que eles deixarão de ser altamente calóricos por causa do açúcar, uma vez que vão passar a ser saudáveis.

É importante ressaltar que, porém, a cada 1 G de Stevia é o mesmo que 300 gramas de açúcar.  Ou seja, é preciso maneirar no uso, não por conta das calorias, porque não há nenhuma, mas em decorrência do sabor do alimento ou bebida.

Portando, recomenda-se usar poucas gotas do adoçante. Ainda assim, para que faz dietas altamente restritivas, o ideal é consultar o nutricionista antes mesmo de começar a usar a Stevia.

Vantagens da Stevia

Assim como já pudemos ver até aqui, a Stevia promove uma série de vantagens, especialmente quando o assunto é manter a dieta em dia. Neste sentido, quando comparado com os demais adoçantes, como o ciclamato de sódio e o aspartame, por exemplo, a Stevia garante as seguintes vantagens:

  • Auxiliar na perda de peso, pois não tem calorias e ajuda a reduzir o desejo por doces;
  • Poder ser utilizada em preparações que serão cozidas ou assadas no forno, pois a stevia se mantém estável em temperaturas de até 200ºC;
  • Ajudar no controle de problemas como diabetes, hipertensão e obesidade;
  • Ajudar a regular o apetite, reduzindo a fome.

O adoçante stevia normalmente é vendido em casas de produtos naturais, bem como mercados municipais. Entretanto, alguns supermercados vendem o produto em forma líquida ou em sachês. Entretanto, cabe destacar que os formatos mais saudáveis são os encontrados em casas de produtos naturais.

Em suma, os produtos de supermercados são altamente industrializados, e acaba prejudicando os efeitos positivos da Stevia, uma vez que entra em contato direto com químicas industriais.

Curiosidades sobre a Stevia

Para que você fique por dentro de tudo sobre o adoçante, reunimos as principais curiosidades sobre o produto. Confira:

Origem da Stevia

Stevia é uma planta oriunda da América do Sul, e está presente nos seguintes países:

  • Argentina;
  • Brasil;

Apesar deste fato, a Stevia pode ser encontrada em diversos lugares do planeta, pois se tornou muito famosa de uns anos para cá.

Quem pode usar Stevia

A Stevia é altamente segura, para todo tipo de público, sejam crianças, adultos, gestantes e idosos. Pessoas diabéticas também podem consumir o adoçante, pois não apresenta nenhum efeito colateral negativo, muito menos alergias.

Outro fato interessante é que a Stevia também protege os dentes e não causa cáries. Entretanto, para diabéticos, o uso somente é recomendado a partir de prescrição médica.

Stevia é natural?

Sim, o adoçante é inteiramente natural, mas pode ter mudanças em sua composição, quando comercializado. Por isso, é necessário ficar de olho na procedência do fabricante, para, assim, consumir o melhor produto.

O adoçante altera a glicemia?

A Stevia não é o mesmo produto que o açúcar, uma vez que não vai proporcionar hiperglicemia, mas apenas quando consumido de forma moderada.

Além disso, o mesmo também não vai causar hipoglicemia, e por isso pode ser consumido tranquilamente em caso de diabetes ou diabetes gestacional, mas sempre com o conhecimento de um nutricionista.

Efeitos colaterais e contraindicações

Assim como foi mencionado há pouco, o uso de Stevia é considerado seguro para a saúde e organismo, mas em algumas ocasiões podem ocorrer efeitos colaterais, tais como náuseas, fraqueza muscular, tonturas, alergia e dores. Entretanto, na maioria dos casos, os problemas surgem por conta da mistura da Stevia com outros alimentos.

Além do mais, ela só deve ser usada em crianças, mulheres gestantes ou em casos de diabetes ou hipertensão a partir de orientação do médico ou do nutricionista responsável, uma vez que o adoçante pode causar uma redução do na quantidade de açúcar presente na corrente sanguínea ou da pressão arterial maior do que o comum, colocando em risco a saúde da pessoa.

Ainda neste sentido, outro efeito contrário da Stevia é que ela pode implicar no atraso da função renal, por isso é necessário utilizá-la com moderação e cuidado e, sobretudo, com o devido controle do nutricionista ou médico responsável.

Afinal, vale a pena usar Stevia?

Como pudemos ver ao longo deste artigo, a Stevia promove uma série de vantagens à saúde. Em questão dos efeitos colaterais, eles só acontecerão a partir do uso indiscriminado do produto. Caso contrário, o mesmo só trará benefícios ao corpo, vida e rotina do usuário.

O QC Saúde tem caráter totalmente informativo, não recomendamos que você faça nenhum tipo de procedimento ou uso de medicação sem antes consultar um médico especialista.

Nosso objetivo é publicar conteúdo de qualidade de forma simplificada, clique aqui e confira nossas fontes.

Deixe seu comentário